Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin

RADAR DF| VAI DOER NO BOLSO! GDF aplica multas contra festas clandestinas que lotam hospitais de covid

Uma força-tarefa composta por onze órgãos do governo do Distrito Federal, vistoriou nesta sexta e sábado, cerca de 78 estabelecimentos em 27 regiões...

Uma força-tarefa composta por onze órgãos do governo do Distrito Federal, vistoriou nesta sexta e sábado, cerca de 78 estabelecimentos em 27 regiões administrativas e aplicou 12 multas no valor de R$ 20 mil por festas ou eventos carnavalescos clandestinos.

Para evitar a propagação do novo coronavírus, o Governo do Distrito Federal (GDF) decidiu proibir a realização de festas, eventos ou blocos carnavalescos na capital de 12 a 21 de fevereiro.

A maioria das festas, aconteceram em Ceilândia, Sobradinho, Santa Maria e no Plano Piloto.

De acordo com o relatório do DF Legal, os estabelecimentos promoveram eventos que desrespeitaram o distanciamento social e o uso obrigatório de máscaras por parte dos frequentadores, além de cometerem outras infrações sanitárias.

As multas de R$ 20 mil foi imposta em decorrência do descumprimento dos protocolos sanitários, previstos no Decreto nº 40.939/20, adotados durante a pandemia do novo coronavírus.

No mês de janeiro e fevereiro, o DF registrou alta de contaminação devido a festas clandestinas ocorrida com as festas de final de ano, apesar da proibição.

Para vencer a guerra contra o aumento da doença, mesmo com o DF liderando o ranking de pessoas vacinadas no país, depende também de uma maior conscientização da população em evitar aglomerações.