Em reunião com o presidente do Tribunal de Contas do DF, ABBP toma conhecimento sobre a análise das contas do Governo de Brasília

259

Encontro com Renato Rainha

O presidente do Tribunal de Contas do DF, conselheiro Renato Rainha, recebeu na última sexta-feira membros da Associação Brasiliense dos Blogueiros de Política (ABBP) para um café da tarde. O bate papo girou em torno de temas como a análise das Contas de Governo, as auditorias realizadas pelo TCDF e a capacitação de fiscais sociais promovida pela Escola de Contas da Corte.

O presidente do Tribunal abriu o encontro falando sobre a importância de capacitar as lideranças comunitárias e outros representantes da sociedade civil para um controle social mais efetivo sobre a aplicação do dinheiro público. Ele falou sobre os cursos promovidos pela Escola de Contas Públicas do TCDF, que inaugura sua sede própria nesta segunda-feira (13). “Já atuamos, há algum tempo, capacitando servidores do GDF sobre licitação, gestão de contratos e outros temas. Agora, vamos fazer também cursos sobre fiscalização do orçamento público e controle social para cidadãos em geral”, disse Rainha.

A análise das contas do Governo de Brasília foi bastante debatida, já que existe possibilidade da prática de pedaladas fiscais, que atingiram a presidente Dilma Rousseff, ter sido feita também pelo GDF. O presidente da Corte explicou aos blogueiros a forma criteriosa que a  fiscalização é feita. “Nós recebemos os documentos e cada informação registrada é checada e analisada pelo nosso corpo técnico. Temos trabalhado muito no sentido de unir esforços com outros órgãos de controle para aprimorar essa fiscalização”, detalhou.

Presidente do TCDF, Renato Rainha, com os blogueiros da ABBP.
Presidente do TCDF, Renato Rainha, com os blogueiros da ABBP.

As auditorias na área de saúde também foram tema da conversa com os blogueiros. O presidente Renato Rainha falou sobre as investigações mais recentes, como a de órteses, próteses e materiais especiais; sobre os leitos de UTI; e problemas causados pela má gestão dos recursos na área. “Nunca vi uma auditoria daqui concluir que falta dinheiro para a saúde. Essa área não é para amadores. O que pode resolver vários problemas é profissionalizar a gestão, no sentido de colocar o comando nas mãos de pessoas qualificadas, especializadas em gestão nesse setor, que tem muitas peculiaridades”, ponderou.

Ao final do encontro, o Diretor-Presidente da ABBP, Fred Lima, agradeceu a disponibilidade do Presidente do TCDF em receber a Associação e fez uma avaliação da reunião. “Foi bastante proveitosa. Tivemos uma aula de orçamento público e de como é o papel do TCDF na fiscalização e na análise de contas do governo”, concluiu.

Da Redação do Portal ABBP (com informações do TCDF)