Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin

Governo Federal planeja imunizar toda população até o fim de 2021

Em reunião por videoconferência entre o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, e os governadores, na tarde de hoje (17), foi apresentado cronograma elaborado...

Em reunião por videoconferência entre o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, e os governadores, na tarde de hoje (17), foi apresentado cronograma elaborado pela pasta, com a previsão de que mais de 454 milhões de doses de vacinas estarão disponíveis até dezembro deste ano. A proposta é vacinar todos os brasileiros contra a covid-19 ainda em 2021.

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, comemorou o anúncio do Governo Federal, que veio juntamente com a notícia de que o Ministério da Saúde – no momento da reunião – estava celebrando contrato com a União Química para a compra de 10 milhões de vacina russa Sputnik 5.

“É importante que a população brasileira tenha essa alternativa”, disse o governador. “É mais um passo para que a vida de todos possa voltar ao normal”.

Fábrica em Santa Maria (DF)

Inicialmente, as vacinas serão importadas da Rússia, mas o ministro Pazuello informou que, assim que o imunizante estiver sendo produzido na fábrica de Santa Maria (DF), serão feitas novas aquisições.

A Sputnik 5 chegará em três lotes: 400 mil doses em março; 2 milhões de doses em abril; e 7 milhões, em maio.

As demais vacinas serão do Instituto Butatan, da Fiocruz, Moderna e Covaxin. O Governo Federal também negocia a compra de vacinas do laboratório Pfizer, que só poderá fornecer a partir de julho; além do Janssen, a partir de outubro.

Nova distribuição

Foi confirmada ainda a próxima data de distribuição dos imunizantes para a próxima segunda-feira (23), seguindo um cronograma de entregas para fevereiro e março a ser encaminhada ainda hoje (17) às secretarias de Saúde de todos os estados.